OUVIDORIA DO SINDICATO
CONTATO
Quem so
HOME

SINASEFE-MT alerta professores e estudantes sobre risco de (re) contaminação pela variante Omicron

SINASEFE-MT alerta professores e estudantes sobre risco de (re) contaminação pela variante Omicron

Mais uma vez o ano se inicia cheio de incertezas e temores. 

Saiba Mais
Sindicato aciona a Reitoria e solicita a obrigatoriedade de apresentação de passaporte vacinal para acesso às dependências do IFMT

Sindicato aciona a Reitoria e solicita a obrigatoriedade de apresentação de passaporte vacinal para acesso às dependências do IFMT

O SINASEFE-MT protocolou um ofício endereçado à reitoria do Instituto Federal de Mato Grosso exigindo providências quanto à circulação de pessoas nos espaços do IFMT. O documento aponta ser indispensável que o passaporte de vacinação com a aplicação mínima de duas doses dos imunizantes contra a covid-19 seja exigido para que trabalhadores e estudantes possam ter sua locomoção autorizada nas dependências do instituto. 

Saiba Mais
Nota de Falecimento

Nota de Falecimento

É com imenso pesar que o SINASEFE/MT comunica o falecimento do servidor Renato Maccari. Ele tinha 53 anos, era técnico em laboratório do campus São Vicente e sofreu um mal súbito na última segunda-feira (03). 

Nossos mais profundos sentimentos a todos amigos e familiares do nosso companheiro de luta e jornada que nos deixou de uma forma tão precoce.

A direção do campus declarou luto oficial durante 3 dias em virtude da morte do servidor da instituição.

Saiba Mais
A quem interessa proibir o uso da linguagem “neutra” e por quê?

A quem interessa proibir o uso da linguagem “neutra” e por quê?

Foi votado, com maioria favorável, no dia 17/12/2021 na Câmara de Vereadores de Alta Floresta - Mato Grosso, o projeto de lei (PL) nº 021/2021 que "proíbe expressamente instituições de ensino e bancas examinadoras de seleções em concursos públicos o uso da linguagem neutra", proposto pelo vereador Douglas Pereira Teixeira de Carvalho (PSC), de grande interesse público (?).
 
Saiba Mais
SINASEFE MT protocola ações contra a devolução de auxílio transporte, registro de ponto biométrico e retorno presencial sem respeito às normas de segurança

SINASEFE MT protocola ações contra a devolução de auxílio transporte, registro de ponto biométrico e retorno presencial sem respeito às normas de segurança

A diretoria do SINASEFE – Seção Sindical Mato Grosso ingressou com duas ações populares na tentativa de oferecer soluções aos graves problemas enfrentados pelos servidores do IFMT e relatados por seus filiados que reivindicam auxílio de seus representantes.

 

Saiba Mais

HOME / NOTÍCIAS

Quinta-Feira, 25 de Novembro de 2021, 20h57   (Atualizada 25/11/2021 às 20:57)

Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas comete erro administrativo, culpabiliza servidoras e servidores e ameaça suas condições mínimas de subsistência de sobrevivência

Na terça-feira, 23 de novembro de 2021, as servidoras e servidores do IFMT-Campus São Vicente, foram surpreendidos por e-mails da Coordenação de Gestão de Pessoas, informando as servidoras e servidores que tiverem recebido adicionais ocupacionais e/ou auxílio-transporte, da obrigatoriedade de ressarcimento ao erário público, dos valores recebidos.


Amparada no Ofício n.º 39/2021 da ProPessoas, que fundamenta a exigência da devolução dos valores recebidos no artigo 46, da Lei 8.112/90, a Coordenação de Gestão de Pessoas informa aos servidores que, brevemente, receberão a notificação. Acrescentam a possibilidades de quitação: o desconto mensal de 10% do salário ou a quitação integral.

Causa grande estranhamento que a ProPessoas, no dia 29/04/2020 tenha enviado orientação para que fosse feita a atualização do auxílio-transporte, com prazo de entrega no dia 15/05/2020, demonstrando desconhecer ou desconsiderar a Instrução Normativo n.º 28, do dia 25/03/2020!

Estamos diante de dois graves erros administrativos: desconhecer a Lei 8.112/90, algo inadmissível para um Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas e a Instrução Normativa n.º 28/2020.

Não apenas o estranhamento quanto aos erros administrativos, mas também somos tomados pela surpresa de perceber que a Pró-Pessoas não se atentou a realidade do servidor do Campus de São Vicente ao submetê-los à trabalharem meses sem que seja assegurado, sequer, o dinheiro paras se transportarem até o campus.

Parece não ter bastado à ProPessoas cometer erros por desconhecimento do que lhe compete conhecer e levar servidoras e servidores ao desespero por não saberem como sobreviver, em alguns casos, com R$ 300,00 que lhes sobra do salário; para tornar ainda mais arbitrário, autoritário e distante de tudo que esperamos da gestão pública, a ProPessoas publiciza, no SUAP, uma lista com o nome de todos os servidores e os valores recebidos indevidamente, segundo o entendimento da Pró-Reitora, que, até o momento, se mostram totalmente equivocados. 

Após a exposição desses problemas, imaginemos as condições mentais, emocionais, desses servidores que já sofrem as dificuldades advindas da distância em que se localiza o campus, a inatividade do restaurante, o pequeno número de servidores que cuidam da higiene e, algo sempre desconsiderado, os constante riscos no percurso, em que os acidentes ocorrem diariamente. O trabalho precariza-se, o gosto pelo trabalho desaparece, o trabalhador adoece e, então, é descartado, como em qualquer indústria em que prevalece a preocupação com o lucro e a desvalorização da vida.

 

Fonte: SINASEFE MT
Voltar

COMENTAR A NOTÍCIA

Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica - MT
Rua Marechal Floriano Peixoto, 97. CEP: 78.005-210. Cuiabá-MT
(65) 3358-3171 - (65) 99234-1887.   CNPJ:03.658.820/0010-54.  sinasefemt@sinasefemt.org.br
© Copyright 2022 - Todos os Direitos Reservados
WEB SITE DESENVOLVIDO E HOSPEDADO POR: MRX WEB SITE - WWW.MRXWEB.COM.BR