OUVIDORIA DO SINDICATO
CONTATO
Quem so
HOME

SINASEFE MT protocola ações contra a devolução de auxílio transporte, registro de ponto biométrico e retorno presencial sem respeito às normas de segurança

SINASEFE MT protocola ações contra a devolução de auxílio transporte, registro de ponto biométrico e retorno presencial sem respeito às normas de segurança

A diretoria do SINASEFE – Seção Sindical Mato Grosso ingressou com duas ações populares na tentativa de oferecer soluções aos graves problemas enfrentados pelos servidores do IFMT e relatados por seus filiados que reivindicam auxílio de seus representantes.

 

Saiba Mais
Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas comete erro administrativo, culpabiliza servidoras e servidores e ameaça suas condições mínimas de subsistência de sobrevivência

Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas comete erro administrativo, culpabiliza servidoras e servidores e ameaça suas condições mínimas de subsistência de sobrevivência

Na terça-feira, 23 de novembro de 2021, as servidoras e servidores do IFMT-Campus São Vicente, foram surpreendidos por e-mails da Coordenação de Gestão de Pessoas, informando  as servidoras e servidores que tiverem recebido adicionais ocupacionais e/ou auxílio-transporte, da obrigatoriedade de ressarcimento ao erário público, dos valores recebidos.

 

Saiba Mais
Coletivo de Mulheres Camponesas e Urbanas lança carta aberta pelo fim da violência

Coletivo de Mulheres Camponesas e Urbanas lança carta aberta pelo fim da violência

O Mapa da Violência  do ano de 2015 já mostrava que o Brasil figurava como o 5º país mais violento para as mulheres . É o primeiro país em assassinato de transexuais, sendo as mulheres trans as principais vítimas. Aqui, morrem mais mulheres vítimas de violência doméstica do que por câncer e acidente no trânsito.

Saiba Mais
Seções sindicais cobram distanciamento e rodízio de servidores nos campi do IFMT

Seções sindicais cobram distanciamento e rodízio de servidores nos campi do IFMT

Com o retorno gradual às atividades presenciais em todos os campi do Instituto Federal de Mato Grosso, é crescente o número de denúncias de servidores técnicos-administrativos que estão sem condições mínimas de biossegurança asseguradas pela instituição. As seções sindicais do SINASEFE enviaram ontem (11) à Reitoria um ofício para informar que o plano de retorno contém falhas de execução e requereu com urgência que medidas basilares para evitar a contaminação e adoecimento dos servidores fossem respeitadas. 

Saiba Mais
Dia da servidora pública e do servidor público

Dia da servidora pública e do servidor público

O SINASEFE saúda as trabalhadoras e os trabalhadores do serviço público pela passagem do dia 28 de outubro, homenageando, especialmente, servidoras e servidores da Educação Federal. Importante registrar que em 2021 essa data ocorre em meio ao aquecido clima de denúncia da ‘Reforma Administrativa’ (PEC 32/2020). Servidoras e servidores estão mobilizadas(os) permanentemente nas intensas manifestações em Brasília e também ao redor de todo Brasil.

 

 

 

Saiba Mais

HOME / NOTÍCIAS

Quinta-Feira, 16 de Setembro de 2021, 19h17   (Atualizada 16/09/2021 às 19:17)

Retorno presencial às aulas sem vacinação completa de profissionais da educação e estudantes é assumir conduta de risco e morte

TOTALMENTE SEM ESTRUTURA

A rede estadual de ensino retornou às atividades presenciais no dia 03 de agosto de 2021. Ao completar 30 dias de retorno, durante audiência com a Secretaria Estadual de Educação, o SINTEP-MT foi informado que 79 escolas apresentaram casos positivos de covid-19. Ou seja, 23% de todas as escolas do estado tinham servidores infectados com o novo coronavírus.  

 

O cenário desastroso foi consequência de uma série de erros cometidos pelo governo do estado. A rede não estava preparada para receber os profissionais e estudantes nas unidades escolares. Poucos locais dispunham do mínimo de recursos e estrutura para implementar as rotinas de biossegurança, nenhuma adaptação da infraestrutura foi realizada e a discrepância das realidades nas escolas são muito grandes.  

  

“A qualidade das máscaras ofertadas a professores e estudantes é muito baixa. Enquanto há escolas que possuem dispenser de álcool em gel, em outras não há nem ventilação nas salas de aulas porque as janelas são vitrôs e abrem pouco. Até hoje, muitas famílias não têm enviado seus filhos à escola porque eles dependem do transporte coletivo e há um medo muito grande de se contaminarem durante o trajeto até a sala de aula”, disse Guelda Andrade, secretária de assuntos educacionais do SINTEP-MT.  

  

Enquanto assistimos às dificuldades enfrentadas pelos colegas da rede estadual, setores do IFMT pensam estar imune às adversidades de adequação do espaço físico para o retorno presencial às aulas e já planejam a volta das atividades, sem a efetiva garantia de  biossegurança, vacinação dos estudantes e adequação estrutural. Além disso, o avanço da variante Delta e sua transmissibilidade imensamente maior, parece não ter sido analisado. 

 

Realmente é necessário colocar a vida de milhares de estudantes em risco? Retornar somente com os profissionais da educação vacinados não seria menosprezar o valor da vida dos discentes? A responsabilidade das novas infecções causadas no ambiente escolar será da instituição ou a culpa vai recair para a profissional da limpeza que não conseguiu higienizar adequadamente a escola porque ela é a única funcionária terceirizada daquele setor? 

 

Fonte: Assessoria
Voltar

COMENTAR A NOTÍCIA

Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica - MT
Rua Marechal Floriano Peixoto, 97. CEP: 78.005-210. Cuiabá-MT
(65) 3358-3171 - (65) 99234-1887.   CNPJ:03.658.820/0010-54.  sinasefemt@sinasefemt.org.br
© Copyright 2021 - Todos os Direitos Reservados
WEB SITE DESENVOLVIDO E HOSPEDADO POR: MRX WEB SITE - WWW.MRXWEB.COM.BR