OUVIDORIA DO SINDICATO
CONTATO
SOBRE
HOME

XI Semana da Consciência Negra é realizada em Pontes e Lacerda

XI Semana da Consciência Negra é realizada em Pontes e Lacerda

O Instituto Federal de Mato Grosso Campus Pontes e Lacerda promoveu nos dias 22 a 24 de novembro a XI Semana da Consciência Negra na instituição. A atividade foi realizada com apoio do SINASEFE/MT.

Saiba Mais
Presidente e ex-presidente do SINTEP/MT morrem em acidente na BR-163

Presidente e ex-presidente do SINTEP/MT morrem em acidente na BR-163

É com grande tristeza que o SINASEFE/MT presta condolências à família de Jocilene Barboza, 43 anos, e Júlio César Viana, 65 anos. 

Saiba Mais
SINASEFE/MT entra em recesso a partir de dezembro

SINASEFE/MT entra em recesso a partir de dezembro

O SINASAFE/MT informa aos servidores sindicalizados que a partir de 10 de dezembro os colaboradores do sindicato estarão em férias coletivas, sendo assim, não haverá atendimento presencial aos professores e técnico-administrativos do IFMT. 

Saiba Mais
Encontro Regional do SINASEFE será realizado em Goiânia

Encontro Regional do SINASEFE será realizado em Goiânia

O evento será um espaço de debate e articulação na defesa de professores e técnicos da Rede Federal de Educação.

Saiba Mais
I Seminário de Educação Profissional e Tecnológica é realizado em Cuiabá

I Seminário de Educação Profissional e Tecnológica é realizado em Cuiabá

Nos dias 08 e 09 de novembro, os servidores do IFMT participaram de rodas de conversa dirigidas por Gaudêncio Frigotto e Fábio Bezerra. O evento aconteceu no auditório do SINTEP-MT, em Cuiabá. 

Saiba Mais

HOME / NOTÍCIAS

Quinta-Feira, 28 de Junho de 2018, 18h08   (Atualizada 28/06/2018 às 18:08)

Cármen Lúcia suspende obrigação de pagamento do piso para professores do estado do Pará

PISO

A ministra Cármen Lúcia atendeu pedido do Governo do Pará e suspende obrigação de pagamento do Piso Nacional para professores do estado. A categoria pode retomar greve.

 

 O pagamento de um valor mínimo para os professores é lei desde 2008. O piso nacional do magistério é atualmente R$ 2.455,35, para jornada de 40 horas semanais.

 

O Professor Classe I da rede pública estadual tem vencimento-base de pouco mais de R$1,4 mil. Porém, o governo paraense alega que paga aos professores estaduais uma gratificação de escolaridade, que eleva o valor do vencimento-base para quase R$ 3,8 mil.

 

Na decisão, divulgada nesta segunda-feira (25) pelo Supremo Tribunal Federal (STF), a presidente da Corte, ministra Cármen Lúcia aceitou o argumento do estado por considerar que o recebimento de gratificação permanente para todos os professores torna sua remuneração superior ao patamar nacional. Além disso, a presidente reconheceu a grave lesão à economia pública do Pará, devido ao impacto superior a R$ 840 milhões referente a gasto com pessoal.

 

A medida suspendeu dois mandados de segurança concedidos pelo Tribunal de Justiça do Pará em favor da categoria.

 

Mauro Borges, secretário-geral do Sintepp - Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Pará afirma que a entidade vai recorrer.

 

Segundo o sindicalista, o piso que não é pago desde 2015. Em 2018, os professores do Pará passaram 43 dias parados. A paralisação foi suspensa dia 13 deste mês. Mauro Borges não afasta a possibilidades de nova greve.

 

Na decisão, Cármen Lúcia, também suspendeu o pagamento de multa estabelecida pela justiça estadual de mil reais por dia por cada professor.

Fonte: Rádio Agência Nacional / EBC
Voltar

COMENTAR A NOTÍCIA

Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica - MT
Rua Marechal Floriano Peixoto, 97. CEP: 78.005-210. Cuiabá-MT
(65) 3358-3171 - (65) 99804-0518.   CNPJ:03.658.820/0010-54.  sinasefemt@sinasefemt.org.br
© Copyright 2018 - Todos os Direitos Reservados
WEB SITE DESENVOLVIDO E HOSPEDADO POR: MRX WEB SITE - WWW.MRXWEB.COM.BR