OUVIDORIA DO SINDICATO
CONTATO
SOBRE
HOME

Governo Temer perde votação e ataques aos serviços públicos são barrados

Governo Temer perde votação e ataques aos serviços públicos são barrados

O Governo Temer saiu derrotado da votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias, ocorrida na noite desta quarta-feira, 11 de julho. Parlamentares cederam à pressão dos servidores públicos e retiraram da LDO 2019 a redução de 10% das verbas de custeio e a proibição de reajuste salarial, contratação de novos servidores e reestruturação de carreira.

Saiba Mais
Comunicado sobre a telefonia

Comunicado sobre a telefonia

O SINASEFE/MT comunica a todos os servidores do Instituto Federal de Mato Grosso que as redes de telefonia e internet do sindicato estão passando por problemas de cunho técnico e não estão funcionando no momento.

Saiba Mais
PLDO 2019: SINASEFE na luta em defesa dos serviços e dos servidores públicos

PLDO 2019: SINASEFE na luta em defesa dos serviços e dos servidores públicos

O SINASEFE esteve presente, na manhã de hoje (10/07), numa reunião entre entidades sindicais e parlamentares do Partido dos Trabalhadores (PT), que teve por objetivo organizar a luta e a pressão sobre deputados e senadores em torno da votação do Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO) para o exercício de 2019.

Saiba Mais
Orçamento de 2019 exclui reajuste salarial para servidores públicos

Orçamento de 2019 exclui reajuste salarial para servidores públicos

Relator da Lei de Diretrizes Orçamentárias explicou que é preciso adotar medidas "não simpáticas" para diminuir as despesas para o próximo governo

 

 

Saiba Mais
Cármen Lúcia suspende obrigação de pagamento do piso para professores do estado do Pará

Cármen Lúcia suspende obrigação de pagamento do piso para professores do estado do Pará

 O pagamento de um valor mínimo para os professores é lei desde 2008. O piso nacional do magistério é atualmente R$ 2.455,35, para jornada de 40 horas semanais.

Saiba Mais

HOME / NOTÍCIAS

Segunda-Feira, 07 de Maio de 2018, 11h30   (Atualizada 07/05/2018 às 11:30)

Servidores do IFMT são eleitos membros da Direção Nacional

32º CONSINASEFE

Durante a realização do 32º CONSINASEFE, o Congresso Nacional do SINASEFE, servidores lotados em diversas unidades do Instituto Federal de Mato Grosso foram eleitos para compor a Direção Nacional (DN) e o Conselho de Ética da DN do SINASEFE durante o biênio 2018-2020. As eleições aconteceram na última terça-feira (01).

 

Os servidores Ricardo Filho, professor lotado em Rondonópolis, e Jeanne Bittencourt, técnica-administrativa aposentada da Reitoria, foram os dois membros da delegação do IFMT que agora são parte da Direção Nacional. Eles pertencem ao coletivo SINASEFE Para Lutar (SPL) e da chapa SINASEFE Independente, Democrático e de Lutas que foi eleita com 151 votos.

 

Segundo o servidor técnico-administrativo Luiz Pereira, lotado em Juína, “o congresso teve um caráter eleitoral muito importante para a reestruturação do sindicato. No debate entre as 5 chapas concorrentes à Direção Nacional, foi possível extrair do discurso a urgência da elaboração de um novo plano de lutas e campanha salarial”.

 

Gislaine Maia, professora do campus Confresa e delegada participante do congresso, corrobora a importância da reestruturação do SINASEFE. “Estou muito esperançosa com os resultados do CONSINASEFE. Nesta edição, foi possível debater com nossos colegas a relevância de sermos uma categoria e lutarmos como tal. Nenhum interesse particular deve se sobrepor ao coletivo e, tendo essa perspectiva como norteadora, devemos lutar por um sindicato forte e livre de amarras, que ouça as bases e defenda os direitos dos trabalhadores. Afinal, nosso inimigo ainda segue no poder e usurpa, a cada dia, os direitos que antes estavam assegurados”, afirma.

 

Já a escolha para o Conselho de Ética da DN foi feita de maneira nominal. Desta forma, o técnico-administrativo do campus Cuiabá Ivo da Silva recebeu 64 votos (13,91%), ele também participa do coletivo SPL. Outra vaga do conselho também foi ocupada por um membro do SPL, Rosângela Freitas, do Colégio Pedro II, do Rio de Janeiro, foi eleita com 49 votos (10,65%).

 

De acordo com o conselheiro eleito, “o congresso foi muito positivo nas dimensões qualitativa e quantitativa. Ao mobilizar 492 delegados de todo o país, o SINASEFE abriu espaço para que os servidores se expressassem. Os diferentes pontos de vista de várias regiões brasileiras foram abordados, mas o que podemos reafirmar é que devemos construir um sindicato representativo, independente, de luta e autônomo”, afirmou Ivo.

 

A chapa “SINASEFE Independente, Democrático e de Lutas”, formada também por integrantes do coletivo SLP, foi muito bem avaliada por delegadas e delegados do SINASEFE que participaram do congresso. Além de ganhar a eleição para a DN e eleger membros para os conselhos fiscal e de ética, a chapa tem como mote a reestruturação do SINASEFE, independente do Estado, dos governos e dos partidos. Durante o debate, a chapa se apresentou como de composição programática. Defendeu a luta contra o golpe, reforçou a importância da Direção Nacional não se afastar das bases, organizando a luta cotidiana nos locais de trabalho. Outro ponto levantado por representantes da chapa foi a desfiliação da CONLUTAS.

 

“Nos últimos anos, mais necessariamente nos últimos meses, vimos a democracia sob ameaça. Formalmente ainda vivemos sob um regime democrático, mas isso não é garantia de representatividade. Sendo assim, é dever do SINASEFE Nacional e das bases promover uma série de enfrentamentos ao governo para que sejam assegurados e ampliados os direitos dos trabalhadores e a cidadania”, ressalta o professor Edson Sant’Anna, lotado no campus Octayde Jorge da Silva, em Cuiabá.

 

Diante do resultado histórico e da representatividade alcançada com a eleição de servidores para as instâncias máximas de representação sindical, a comitiva do IFMT se reuniu para avaliar o congresso. Estiveram presentes nesta conversa representantes de todas as seções sindicais de Mato Grosso (Cáceres, Cuiabá, São Vicente da Serra, Rondonópolis).

 

O 32º CONSINASEFE foi realizado entre os dias 28 de abril e 01 de maio, em Brasília, e teve como tema “Unificar a luta da classe trabalhadora contra os ataques da capital”. No total contou com 492 delegados credenciados. A seção Mato Grosso contribuiu com o debate ao promover a participação de 18 delegados.

Fonte: Assessoria

FOTOS DESTA NOTÍCIA

Voltar

COMENTAR A NOTÍCIA

Sindicato Nacional dos Servidores Federais da Educação Básica, Profissional e Tecnológica - MT
Rua Marechal Floriano Peixoto, 97. CEP: 78.005-210. Cuiabá-MT
(65) 3358-3171 - (65) 99804-0518.   CNPJ:03.658.820/0010-54.  sinasefemt@sinasefemt.org.br
© Copyright 2018 - Todos os Direitos Reservados
WEB SITE DESENVOLVIDO E HOSPEDADO POR: MRX WEB SITE - WWW.MRXWEB.COM.BR